64:UM LEITÃO CHAMADO BABE por jPinto


Boa noite,
peço desculpa por estar a enviar um e-mail a esta hora, mas passa-se o seguinte:
Chamo-me Mário Dias e moro perto de Vexas.
Deram-me um leitão bebé há pouco tempo, leitão esse a que eu, a minha filha Joana e a minha esposa Sandra já nos afeiçoamos bastante.
No entanto tornou-se impossível manter o animal aqui em casa, pelo que me ocorreu falar com Vexas, que pelo que vejo são uma casa de leitões, para saber se o aceitam.
Ele chama-se Babe mas não responde pelo nome pelo que se quiserem poderão dar lhe outro nome qualquer.
Aguardo então resposta breve para saber se posso levar o Babe à vossa casa.
Cumprimentos,
Mário Dias

Bom dia:
Vimos por este meio acusar a recepção do seu e-mail.
Em resposta ao mesmo informamos que teremos todo o gosto em ficar com o seu leitão Babe e como troca oferecemos-lhe um leitão assado.
Posto isto agradecíamos que entrasse em contacto connosco para podermos ir buscar o leitão.
Telefone: 22 961 xx xx
Com os melhores cumprimentos,
"Luís dos leitões"

Bom dia Sr. Luís,
antes de mais agradeço-lhe a gentileza, mas há aqui uma pequena confusão...
Leitão assado?
Pelo que vi na Internet vocês são uma casa de Leitões, onde não farão certamente mal ao Babe.
Uma casa é um lugar onde se habita, um lar e não um lugar onde se assa e come os residentes...tenho a minha mãe num lar de 3.ª idade e quando a coloquei lá ninguém me ofertou uma velhinha de 80 anos assada.
Se calhar está na hora de telefonar para lá, a ver se está tudo bem com ela...
Desculpe a ironia, sei que foi com boa vontade a vossa oferta, mas precisava apenas que me garantisse que não fazem mal ao Babe para termos a certeza que no Luís dos Leitões ele está em boas mãos (e não em bons fornos).
Agradeço resposta,
um abraço
Mário Dias

11 comentários:

Chayani disse...

"tenho a minha mãe num lar de 3.ª idade e quando a coloquei lá ninguém me ofertou uma velhinha de 80 anos assada" ... torturaste a consciência do pobre Lopes lol
Deixou o sem saber oque dizer...

Já uso seu blog como café da manhã para animar os dias,

Até mais!

a estagiária disse...

Ora toma Sr. Lopes..!
Deve ter ficado sem fome quando recebeu o mail...

João Pinto Costa disse...

Chayani: Cuidado...Um dia ainda vem um post que te tira o apetite e depois vens me pedir uma indemnização...

a estagiária: Ele não sei, mas eu quando coloquei a foto do leitão...que vontade de comer...:(

Graça Pereira disse...

Fêz mal senhor Dias! Com a recepção do leitão assado, o senhor poupava trabalho, condimentos e electicidade do forno. Depois convidava a senhora sua mãe a vir banquetear-se em sua casa com um prato tão apetecível, sim, que lá no Lar não deve passar das dietas... Fazia um bonito e sem gastar um tusto! Eu só queria...ajudar!
Um bj Graça

pedro disse...

leitao que e leitao tem de ser comido na bairrada tenho dito, e não na maia lol

Artur Morais disse...

Ahahahah hilariante xD
Mas agora fiquei com desejos de comer leitão... Acho que a minha solução agr é ir pro bairro alto comer porcas xD (que piada mais badalhoca)

João Pinto Costa disse...

Graça: Não há preço que pague a vida do leitão babe.
Pedro: Não podia estar mais de acordo...por isso é que não aceitei a troca.lol
Artur. À falta de um leitãozinho....despacha-te que só tens até às duas.;)

pó de arroz num ataque de escrita crónica disse...

Conseguiste fazer-me rir muito!Coitadinho do Babe... é mesmo irónico chamar "casa dos leitões" a lugares onde se assam as pobres criaturas.

Tânia Rodrigues disse...

É só rir..
Adorei o Blog!

d22 disse...

LOL. perfeito !

Anónimo disse...

O que eu me ri com este post...demais!! :) Então aquela "Uma casa é um lugar onde se habita, um lar e não um lugar onde se assa e come os residentes..." LOL, só tu!!!:)