08/09/2008

26:VISITA AO MUSEU por jPanda e jPinto


Boa tarde
Sou um pai babado e como investigador na área cultural, gostava muito de ir aí visitar as galerias com os meus filhos, de 8 e 10 anos, mas (a pedido deles) fazê-lo deslizando de patins ao longo de todo o espaço.
Esperando resposta,
O pai,
Mário Dias

Exmo. Sr.
Agradecemos desde já o interesse manifestado na nossa Fundação de Serralves.
Lamentamos mas as regras da Fundação não permitem a utilização de patins, skates ou bicicletas dentro dos nossos recintos.
Aguardamos a vossa visita.
Os melhores cumprimentos.

Vejo que não é em vão que a Fundação de Serralves tem o prestígio que se lhe reconhece.
De salutar a rapidez da resposta e clareza da mesma.
Sem dúvida que o sucesso das instituições começa e acaba nas pessoas que as formam e é nestes pormenores que se manifesta.
Respeitando as regras da Fundação e de maneira a cumprir (dentro do possível) as vontades dos meus rebentos já providenciei com a minha cunhada que é caixa no supermercado Pingo Doce no sentido de saber se ela me poderia fornecer um dos carrinhos de compras que ela lá tem.
Acabou agora mesmo de me telefonar a confirmar que segunda-feira tenho o carrinho ao meu dispor.
Não sendo possíveis patins, skates ou bicicletas será nele que no decorrer da próxima semana os meus filhos entrarão nessa fundação.
Claro que serei eu mesmo a conduzi-los pelo vosso recinto com o máximo de cuidado possível.
Mais uma vez grato pela amabilidade demonstrada,
o pai,
Mário Dias

Bom dia
Exmo. Senhor Mário Dias.
É com muito gosto que recebemos os seus emails e o interesse demonstrado pela nossa instituição, no entanto lamentamos informar mas, à excepção de cadeiras de rodas, não é permitido entrar com nenhum outro tipo de transporte com rodas dentro das galerias e do parque.
Aguardamos a vossa visita.
Estou ao dispor para qualquer esclarecimento que julgue oportuno.
Melhores cumprimentos

Bom Dia,
confesso que aguardava com alguma impaciência o vosso e-mail e ainda bem que não tardou.
É que tenho o carrinho de supermercado no meio da sala de estar e a minha senhora já me disse que aquilo ali não fica nem um minuto mais.
Questões de estética segundo ela...
Adiante, pelo que percebi do vosso e-mail posso levar os miúdos a visitar a vossa instituição numa cadeira de rodas.
A minha sogra desloca-se em cadeira de rodas (não fruto de nenhuma maleita física, graças a Deus, mas fruto da avançada idade).
Vou ver se na Quarta-feira ela pode passar o dia metida na cama, para que eu possa ir para ai com os putos.
De qualquer modo, gostaria de perguntar se vocês têm algum serviço de fornecimento de cadeira de rodas que assim poupava a chatice à minha sogra de ter de passar o dia de Quarta-feira metida na cama.
Aguardo resposta breve e peço desculpa por alguma insistência mas se o senhor tem filhos sabe bem como gostamos de lhes fazer as vontades todas.
Mário Dias

Boa tarde
Exmo. Senhor,
É com muita honra que temos verificado a vontade dos seus filhos em visitar a Fundação e os espaços do Museu em particular.
Como decerto compreende, a instituição tem um regulamento de visita, com o objectivo de garantir as melhores condições a todos os visitantes que nos procuram.
Nesse sentido, tendo presente as suas questões, vimos informar que os espaços da Fundação (sejam Museu ou Parque) não podem ser visitados com equipamentos com rodas como patins, bicicletas ou outros, pois a utilização dos mesmos poderia criar transtornos aos outros visitantes.
Poderá no entanto, deslocar-se até cá neles – dispomos de um parque para bicicletas no Parque de Estacionamento. Quanto aos patins, se trouxer uma mochila com calçado que possa colocar em alternativa, poderá deixá-la no Bengaleiro do Museu. Ambas as possibilidades não implicam qualquer custo adicional. A esta regra, temos como excepção a utilização de elementos de transporte de crianças pequenas (carrinhos de bebés) e as cadeiras de rodas, para pessoas sem capacidade de mobilidade.
Tendo presente as idades dos seus filhos – 8 e 10 anos – gostaríamos de propor uma visita a Serralves que, certamente, os irá divertir muito e permitir-lhes-á passar momentos inesquecíveis em Serralves – as Oficinas em Família, que decorrem todos os domingos, entre as 10h00 e as 13h00, na Clareira das Azinheiras. Trata-se de oficinas gratuitas, com conteúdos especialmente preparados para fomentar a criatividade e a interacção com temas culturais.
Estamos certos que, com esta proposta, poderemos ir de encontro às suas expectativas.
Com os meus cumprimentos

2 comentários:

  1. eh pá, isto e´ fixe, muito bom p rir
    e relaxa....

    na minha escola já disse á malta toda, tods curtem quand falo, mas n sei se veem ver

    eu curti. se isto foss 1 livro, oferecia no Natal ao meu irmao.
    :) fica bem.
    AH" ! e tb nao curto nada Delfins.... lol

    ResponderEliminar