13/08/2009

45:TINTA


Boa noite

Estou a escrever-lhe este e-mail porque me deparo com uma situação caricata em casa e não sei como resolver:
Chamo-me Mário Dias e tenho aqui 2 bidões de tinta que adquiri de Vexas.
Tenho 40 anos, sou divorciado e pai do Bernardo que tem 4 anos.
Hoje de manhã resolvi fazer bodypaint com o miúdo e pintei-lhe o corpo todo de azul e vermelho.
Para minha grande surpresa, ele já tomou três banhos e a vossa tinta não há maneira de sair do corpo do rapaz.
O problema é que a mãe dele regressa amanhã de férias e vem buscá-lo por volta das 17 horas. Estou com bastante medo de que a tinta não saia até ela chegar. Tenho receio de perder as semanas que o tribunal me concedeu com ele por causa desta brincadeira.
Até álcool etílico já tentei e o único que consegui foi pôr o meu filho a chorar porque lhe entrou um pouco no olho.
Aconselhem-me por favor que não sei mesmo o que fazer...
Agradeço desde já a resposta,

Mário Dias


Bom dia, Sr. Mário Augusto.

O que lhe tenho a dizer é que a nossa tinta não é para ser aplicada de forma alguma em bodypaint.
A nossa empresa não comercializa nem produz esse tipo de tinta.
Só produzimos tintas que são orientadas para 3 tipos de mercados (Construção Civil, Indústria de Metalomecânica e Mobiliário) não havendo nenhuma tinta aconselhada nem orientada para bodypaint.
Depois dessa atitude o que lhe aconselho a fazer é ir ao Hospital o mais rapidamente possível de modo a tentar resolver a situação criada por si.
Penso que não deveria aplicar nenhum tipo de produto no seu filho pois pode estar a agravar ainda mais a situação.
Espero que resolva a situação.
Cumprimentos,

Belmiro Antunes


Bom dia

Obrigado por tentar ajudar, penso que o Bernardo hoje está menos vermelho mas o azul parece-me mais forte.
Não posso ir ao hospital porque ficam lá os registos da minha deslocação, além de que depois o Bernardo diz à mãe o que aconteceu.
Estou a tentar que ele não perceba o que se passa, por isso ele não vai estar com ninguém até a mãe chegar nem sequer vai olhar para nada espelhado.
Ele está na garagem porque esteve aqui um casal amigo de manhã, mas daqui a pouco, à hora de almoço, vou levá-lo a um tanque para tentar solucionar isto.
Já comprei sabão azul e pedra-pomes.
Ir ao hospital será o último recurso, já imaginou as minhas figuras a entrar lá com o miúdo neste estado?
Estive a confirmar e nas latas da vossa empresa não tem indicação que não se pode pintar crianças, pelo que certamente isto já aconteceu.
Não me sabe dizer se em todos os casos os pais levaram os filhos a hospitais?
Cumprimentos e obrigado por me estar a tentar ajudar,

Mário Dias

20 comentários:

  1. Está demais. Fartei-me de rir.

    Meu deus.. =D

    Beijinhooos*

    ResponderEliminar
  2. Boas!

    Recebi o teu convite de visita, e de facto tens aqui algumas histórias... Daquelas!

    Esta até agora, foi a minha favorita. Nem eu me lembrava de uma assim!

    ...Mas se me lembrar de alguma, faço uma sugestão!

    Continua o bom trabalho e um abraço!

    António "Torre"

    ResponderEliminar
  3. AhAhAh. É cada um melhor que o outro.
    Já imaginaste se o tivesses pintado de cor de laranja ou rosa? Ainda te raptavam o rapaz para as campanhas, e lá tinhas de escrever ao Sócrate e à Manuela.
    ;)

    ResponderEliminar
  4. Adorei este post!
    Confesso que chorei de tanto rir!!!!
    Parabéns pelo sentido de humor.
    Vou Ficar como fiel seguidora!!!
    Felicidades.

    ResponderEliminar
  5. Esta está excelente!!!

    Gostei bastante de ler...
    :D

    ResponderEliminar
  6. Lol, lol e mais lol...
    Está demais, parabéns pela sua imaginação.
    Aqui, em casa aconteceu mesmo o marido aplicar cera para cabedal no cabelo da filha a pensar que era amaciador....Resultado 3 dias a lavar o cabelo com Fairy e...e...1 mês para o cabelo voltar ao normal.

    ResponderEliminar
  7. Looool, esta história não me é estranha mas em versão tintas Barbot..."Bi" logo que tinha de ser tanga, mas das boas Lol

    ResponderEliminar
  8. Bem mas que cena! Tenho pena do Bernardo xD

    ResponderEliminar
  9. Caro Mário Dias!
    Terei duas soluções para resolver este caso:
    1ª seria usar um maçarico que decerto ajudaria na remoção da tinta do corpo do Bernardo;
    2ª por o miudo de molho durante 24h de preferência em água corrente!!
    Solução com garantia de 12 anos!!!

    ResponderEliminar
  10. Já me esquecia,

    Um abraço do pessoal da 2000!
    Isso é que é grande imaginação!!

    ResponderEliminar
  11. opah, eu vou lendo e vou ficando cada vez mais fã.. muita criatividade, pertinencia e muita loucura, que não devem ser só de espirito mas auxiliados com algum tipo de substancia, o meu amigo fonseca fica assim com absinto.. queres revelar o teu segredo?? hehe abraço, continua!!

    ResponderEliminar
  12. Olha que o facto de não ter nada indicado na embalagem de que não se pode pintar crianças, tem muito que lhe diga! Ja soube de casos em que secavam o gato no microondas ou numa secadora e meteram a empresa em tribunal ganhando a causa....pois não havia nada escrito sobre contra-indicações.LOL

    ResponderEliminar
  13. O melhor de todos...o meu preferido :)

    ResponderEliminar