07/09/2010

128: Distribuir Gás


Antes de mais nada os meus cumprimentos.
Chamo-me Mário Dias e sou médico.
Peço imensa desculpa por vos estar a incomodar mas entre a opção de me deslocar aí e enviar-lhes um e-mail optei pela opção mais segura.
O que me leva a redigir-lhes esta missiva é um assunto que não me está a cheirar bem e que eu tento levar com algum humor para não me aborrecer mais com isto.
O que acontece é que, Vexas prestaram um serviço em casa dos meus pais e a minha mãe, que já tem a sua idade, garantiu me que um dos senhores que levou o gás a casa dela na semana transacta não controlou a sua flatulência (parece brincadeira eu sei).
Disse lhe que foi um serviço de distribuição de gás à maneira porque até levou extras, mas a verdade é que ela está mesmo chateada com esta situação e com a idade dela era bom que conseguisse resolver este assunto para que ela enterre o assunto.
Queria pedir se é possível que me remetam um pedido de desculpa no vosso email de resposta(algo informal e que não vos faça perder muito tempo) para eu imprimir e mostrar à minha mãe.
Ela chama-se Dona Ana Dias.
Agradeço a disponibilidade para a resposta e que comecem a ter mais cuidado com a alimentação.De forma a ajudar os vossos distribuidores de gás remeto uma lista com alimentos que eles devem evitar antes de ir trabalhar por serem fatídicos para quem sofre deste mal (e para os outros):

feijão
*
cerveja (escura)
*
farelo de trigo
*
brócolos
*
couve de Bruxelas
*
repolho
*
bebidas gaseificadas
*
couve-flor
*
cebolas
*
leite (para quem é intolerante à lactose)

Mário Dias


Exmo. Sr. Dr. Mário Dias,

Começo por agradecer o seu email, o qual será alvo da nossa melhor atenção, pois só assim temos conhecimento do serviço prestado através da nossa equipe de distribuição.
O caricato da situação não deixa a mesma de ser tratada como uma reclamação, que terá um procedimento interno para que a mesma não venha a suceder no futuro, para o qual solicito a indicação da morada e o dia onde foi efectuada a entrega de gás afim de identificar o distribuidor.

Lamentamos o sucedido, que independentemente das condições de saúde do distribuidor não deixa de ser uma situação desagradável, para a qual desde já pedimos o favor de apresentar as nossas desculpas à Sra. sua Mãe, acreditando que o nosso distribuidor também já o tenha feito.


Com os melhores cumprimentos,

O gerente da Lisgás,
Pedro Fernandes

Bom dia Sra. Pedro,
agradeço desde já a sua rápida resposta.
A verdade é que eu não quero que tome qualquer diligência, muito menos que repreenda o pobre distribuidor de gás por não se conseguir controlar.Ao dar-lhe esses dados que me pede certamente que identificaria imediatamente o individuo em causa que ficaria muito mal visto (e cheirado) na vossa empresa.
Não quero ser responsável por alguém ser despedido ou, pior do que isso, não quero ser responsável por ele receber uma alcunha pejorativa qualquer (tipo o Bufas ou o Bombinhas de mau cheiro - sei do que falo porque o meu pai sofre deste problema há anos e recebeu esta alcunha dos amigos).
É pelo meu pai sofrer constantemente/quase diariamente deste mal que eu sei bem os alimentos a evitar.
Este pedido de desculpa, razoavelmente fundamentado para eu mostrar à minha mãe é para mim mais do que suficiente.
Obrigado pela atenção que deu a este assunto, é nestes pormenores que se vê a qualidade das empresas.
Mário Dias

20 comentários:

  1. Ahahahahaha

    Me diverti! Se a intenção era entreter..........................ahhhhhhhhhhh! Meta cumprida!

    Bravo!

    Beijos e abraços!

    ResponderEliminar
  2. Canalização mal feita, ou o mais que provável cano rôto, dá nisso.
    Muito boa Mário, já tinha saudades destas "distribuições"

    ResponderEliminar
  3. O génio de sempre.
    Parabéns. Está fantástico.
    Maria Lessa

    ResponderEliminar
  4. Fui às lágrimas e imagino a cara da pessoa a ler os e-mails e a pensar "a mim sucede-me cada uma".

    ResponderEliminar
  5. Como se vê, a educação e o bom senso são ouro!... :)))

    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. pobre homem...não tem culpa de andar a todo o gás!:P

    *

    ResponderEliminar
  7. Caramba, pá... um home já num se pode farpar? Tamos num país livre ou quê? Vamos lá dar um apoio ao home da botija... viva o bufa da botija...

    ResponderEliminar
  8. ahahah tramado!

    "...é nestes pormenores que se vê a qualidade das empresas."

    É verdade.

    ResponderEliminar
  9. Ah ah ah isto era o máximo para eu fazer um print e entregar aos meus colegas da distribuição do gás, lol de maneira a alertar de que não deverão fazer uma coisa dessas em frente aos clientes.
    Tenho para comigo que se isso acontecesse na na empresa onde trabalho, digamos que iria ser "uma casa a arder" quando o chefão soubesse lol.
    Beijoo ;)

    ResponderEliminar
  10. Muito bom!! Pô aqui na empresa tem uns caras que não perdoa..é flatulência geral sem a menor cerimônia..tá doente!!

    ResponderEliminar
  11. Bem...este texto está mesmo explosivo! Muito bom, parabéns :-)
    Beijo, Sofia

    ResponderEliminar
  12. AHAHAHAHAHAHAH Falas com muita experiência... ahahah Muito bom

    ResponderEliminar
  13. He, he... ainda estou a contorcer-me de riso.
    Coitadito do Bufas, nem sabe o que falam dele na Net (até é melhor assim).
    Muito porreiro o teu blog, vou investigar mais...

    ResponderEliminar
  14. achei tao baril e gazi ante que tomei a liberdade de bufar o homem do gaz para o forum
    vagueando.forumeiros.com
    ai v. exas encontrarao as tias no seu cha diario de analises sociais
    gratos atentos e cheirosos
    Ze da bilha

    ResponderEliminar